top of page
  • Foto do escritorEquipe Doxa

ELEIÇÕES 2024: DOXA MOSTRA COMPORTAMENTO ELEITORAL EM FLORESTA DO ARAGUAIA

A eleição só será no dia 06 de outubro de 2024, mas em Floresta do Araguaia, sul do Pará, o clima já está aquecendo nos bastidores da política. O instituto Doxa realizou pesquisa de opinião no município, abrangendo ás áreas rural e urbana de Floresta. Foram entrevistados 300 eleitores na primeira quinzena de agosto de 2023. A margem de erro da pesquisa é de 3.5 pontos para mais ou para menos dos resultados encontrados na pesquisa.

No município do Abacaxi, como é conhecido, o governo de Lula é aprovado por 58,4% e o percentual que reprova é de 31,1%. Já o governo de Helder Barbalho tem 69,4% de aprovação e é reprovado por 17,2% da população. A gestão da prefeita Majorri Santiago está sendo aprovada por 59% da população e 21% disseram reprovar a maneira como Majorri administra o município; 20% não opinaram.


NA DISPUTA ELEITORAL MAJORRI SAI NA FRENTE


Em relação à disputa eleitoral de 2024, os eleitores apontam que, se a eleição fosse hoje, a prefeita Majorri seria reeleita e em segundo lugar ficaria o servidor público e médico, Dr. Tiago Sanches. Na coleta de dados espontânea, quando não é mostrado nomes de pré-candidatos, Majorri teria 29,7% dos votos e Tiago Sanches, 16,5%.

Já na estimulada, quando é mostrado um disco com nomes dos pré-candidatos, Majorri Santiago passa para 40,1% de intenção de votos e o Dr. Tiago pula para 24,9%, continuando em segundo lugar.


“Em quem você Votaria se a Eleição fosse hoje?” ESPONTÂNEA


“Em quem você Votaria se a Eleição fosse hoje?” ESTIMULADA


QUEM NÃO VOTARIA PARA PREFEITO DE FLORESTA DO ARAGUAIA

“Se a eleição fosse hoje, em quem você NÃO votaria para prefeito/a de Floresta do Araguaia de jeito nenhum?” Com essa variável pode-se medir o grau de rejeição dos possíveis pré-candidatos a prefeito/a de Floresta. Claudinei Borges foi o mais rejeitado, sendo citado por 21,7% dos entrevistados que não o querem como prefeito do município. O pré-candidato que obteve a menor rejeição foi o médico Tiago Sanches que ficou com 2,4%.


ANÁLISE

Floresta do Araguaia é um munícipio com características atípicas no processo político: na última eleição o eleitorado se viu órfão de lideranças políticas competitivas; e sem ter nomes locais fortalecidos, a eleição caiu nos braços de Majorri Santiago que obteve 4.999 votos. O segundo colocado, Claudinei, conseguiu 3.856 votos. Ela ganhou com uma diferença de 1.143 votos. Nessa eleição 11.286 eleitores compareceram às urnas. A candidatura de Majorri foi apresentada pelo, então deputado estadual Alex Santiago, de Redenção.
A prefeita está no momento com uma aprovação de seu governo que chega a 59%, o que lhe garante um potencial eleitoral em torno de 40%. Por outro lado, verifica-se que, hoje, um quarto da população, de acordo com a pesquisa, diz que quer uma nova opção de gestão, surgindo, então, o nome do médico Tiago Sanches, que reside no município há 19 anos, onde é concursado e atende na saúde pública.
Nomes como do Ex-vereador Claudinei Borges, que disputou várias eleições para prefeito; dos ex-prefeitos Adélio Santos e Alsério Kazimirsk, quase desapareceram na opinião dos eleitores, que agora indicam querer revelar novos nomes a cada eleição. O jogo só está começando. Esperemos novas fotografias que serão tiradas ao longo do processo eleitoral.

DORNÉLIO SILVA – Cientista Político da Doxa Pesquisa

262 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page